Últimas Notícias
Capa / NOTÍCIAS / Funcionários da Gamp continuam com salários atrasados, a saúde pede socorro

Funcionários da Gamp continuam com salários atrasados, a saúde pede socorro

O ano de 2016 já está terminando mas a novela da saúde pública parece não tem fim. O capítulo atual é a falta de insumos para atendimentos básicos e o extenso atraso do pagamento dos funcionários.

Na manhã de quinta-feira, 29, foi realizado uma coletiva de imprensa com Daniel Ferreira, consultor, e Micheli Rosin, da central da GAMP – Grupo de Apoio a Medicina Preventiva e à Saúde Pública, para esclarecer a real situação do Hospital Geral de Parauapebas (HGP). “Conseguimos ontem ver dentro das despesas horas compactuadas um repasse da prefeitura de um milhão para a continuação dos serviços e o que demanda dos restos dos débitos ficariam numa despesas a pagar nas próximas semanas. No primeiro momento com o fôlego do dinheiro ofertado vamos colocar a manutenção do hospital dos insumos básicos em dias, e o segundo momento, quitar todos os débitos dos terceiros e regularizar o 13º e então a folha de pagamento do mês de dezembro na competência de até Janeiro”. Denotou Micheli Rosi.

dsc_0900

A notícia não deixou os funcionários satisfeitos, muitos estavam contando com décimo terceiro salário para comemorar a virada de ano. O portão do HGP chegou a ser fechado, mas foi reaberto sob ordem judicial. “Eu acho que a GAMP precisa se explicar melhor por que ontem nós sentamos com o Ministério Público e o dinheiro que teria entrado, três milhões e cem, já teria dado para pagar o pagamento Novembro, dezembro e mais o décimo, se esse pagamento não era para pagar nem o décimo eu não entendi o que que nós estávamos fazendo lá. Se batalhou, se lutou e usou o servidor e agora o trabalhador vai ficar assistindo, eu acho isso uma falta de respeito”.  Disse

dsc_0893

Durante a coletiva Micheli Rosim afirmou que os atendimentos continuam normalmente como no início, mas quem precisa utilizar desse serviço público padece e lamenta que tantas promessas feitas na inauguração não tenham sido cumpridas, pois quem realmente sabe de fato como está a as saúde pública do município é quem mais precisa dela.

(Samara Guimarães)

Sobre Click Estacão

Postado por click Estação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*